Marginais


Neu

Marginais

Artikel-Nr.: CP23

Auf Lager

29,99 €
29,99
Preis inkl. MwSt., zzgl. Versand
Versandgewicht: 0,3 kg


“Foi numa terça feira, dia em que um doutor das letras, vindo do estrangeiro, nos visitava, que aprendi uma lição inesquecível: a escola é o centro da formação do carácter de um homem, mas é, acima de tudo, o lugar onde aprendemos o ódio, a desigualdade e passamos a compreender que a pobreza é uma doença incurável. A professora de língua portuguesa ia proceder à eleição do aluno que haveria de representar a turma para ler um discurso encomendado para o visitante. A professora, defensora da democracia e da igualdade entre os homens, queria passar parar os seus pupilos em exemplo do que era um dever cívico e um direito exercer a cidadania, Cabo Verde está a dar os seus primeiros passos no pluralismo e, vocês, como futuros eleitores devem começar desde cedo a cultivar esta prática, devem começar desde cedo a cultivar esta prática,devem saber a quem vão dirigir o vosso voto, tendo em conta as qualidades, as potencialidades e o carácter do candidato em causa, disse-nos. Mirreille era, sem sobra de dúvidas, a melhor aluna da classe. Filha de um cooperante francês com muitos anos na ilha, vestia-se como a boneca Barbbie, o cabelo cor de trigo e os olhos esmeralda como o mar de Santa Maria lembravam-me as actrizes das novelas. Ela era muito linda. Nós dois formávamos o par ideal do conto de fadas, A Bela e o Monstro. Mirreille concentrava-se nas aulas e parecia beber cada palavra que os professores enunciavam, enquanto eu contava os minutos que faltavam para que as aulas terminassem. Eu era o parvo, o indisciplinado, que só sabia baboseiras, o estúpido ocupante da carteira do fundo. Mirreille era a estrela da turma, a mais linda, a mais inteligente. A professora não se interessava por mim porque ela nunca soube o que era ir à escola com fome. 224 Paginas

Diese Kategorie durchsuchen: Literatura da Ilha de Cabo Verde